domingo, 28 de setembro de 2008

Amo muito tudo isso

Aqueles óculos balançando, tremendo no meio do barulho...
Aquele barulho, balançando e tremendo no seu cérebro...
Aquele seu cérebro que não presta mais para nada...

"… you're in high school again …
...you're nothing again...
... no recess …"

Aquela dor de estômago que nunca vai embora
Aquela dor no seu bolso que sempre vai embora
Aquele xerox do xerox do que você estava tentando não prestar atenção.

Aquela maldita vida que você tem que fingir que escolheu

No meio de pontos e de bolas coloridas
No meio de todas aquelas fotografias
No meio de toda aquela obviedade disfarçada de algo que não existe

A luz nos seus olhos, aquele zumbido no seu ouvido
Aquele catarro no seu pulmão
E você acabando com todo mundo

Você não lembra mais como dormir

Nem tenta ser legal

Nem tenta ser nada

Então fica realmente feliz em saber que as pessoas sabem que você escolheu tudo isso.

É exatamente tudo que você podia esperar.

Nenhum comentário: